quarta-feira, março 10, 2010

Pro-Feio-cia Parte III Os Delírios Profétidos


"Assim diz o SENHOR dos Exércitos: Não deis ouvidos às palavras dos profetas, que entre vós profetizam; fazem-vos desvanecer; falam da visão do seu coração, não da boca do SENHOR." Jeremias, O chorão.



Já comentei no texto passado, sobre os expectadores e despertadores de vãs esperanças baseados em suas enfatuadas profecias. Agora gostaria de refletir sobre a deliberação de profetas nos seus delírios espirituais.



O profeta que fala de coisas do seu coração, é talvez o mais perspicaz de todos os analistas. Ele sonda eventos que o rodeia, observa fatos, figura rostos, percebe os desejos das pessoas, analisa os seus gostos, a mensagem factual, e o contexto inserido em seu plano de convivência.



Ele jamais contraria a massa. A mensagem será delirante aos que deliram. Se o verdadeiro profeta prevê cativeiro, os agradadores profetas profetizarão bem-estar! Se o atalaia anuncia conversão e arrependimento, os 'carismáticos' profetas elevarão a estima e faz o povo cantar.



O negócio é delirar o povo, é ser visionário do próprio coração e atribuir isso a Deus...Em um delírio vantajoso a mensagem é mais atraente e 'confortadora'... Como, pois, dizeis: Nós somos sábios, e a lei do SENHOR está conosco? Eis que em vão tem trabalhado a falsa pena dos escribas.





Quando falo de profetas não me refiro somente aos 'titulares' conveniados pelas igrejas neo-pentecostais, mas todo um conjunto de ideologias, ensinos e regras de acordo com o mundo de fantasia gospel. Seja qual for o movimento, a marcha segue rumo aos princípios regidos pela viciosa sociedade, fora dos padrões divinos estabelecidos na PALAVRA.



O que importar é gerar crentes-mercadores e consumidores dessas 'ordineiras' teologias baratas. Porém glorifico a Deus, que quanto mais sujeira aparecer nesse cenário brasileiro, mas posso ver o seu agir desnudando todos esses falsários mensageiros, bem como os seus proFEIOteios...Ele que diz... desfaço os sinais dos inventores de mentiras, e enlouqueço os adivinhos; que faço tornar atrás os sábios, e converto em loucura o conhecimento deles...



Mário Celso


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails