segunda-feira, junho 20, 2011

Verborragia Virtual




Nesse mundo de turbilhão de informações, linguagens em múltiplas dinamicidades, onde em qualquer lugar e tempo posso digitar o que penso e que não penso, somos compelidos a expressar as nossas palavras que fluem e logo as queremos externar nas nossas redes de relacionamentos, nos nossos guetos modernos, nos nossos mundos virtuais...

Todo mundo quer falar...Todos querem opinar, todos querem verbalizar emoções, estamos sempre com a resposta na ponta da língua...Um mundo globalizado veio e com elas as nossas inquietações de palavras...Há um frenesi exponencial de falar, falar,falar. Nada de quietude, nada de meditações, não há em nós um sossego de alma.

O nosso tempo de calar (Ec. 3.7) findou-se com a chegada das demandas sociais virtuais. A Palavra da Sabedoria nos aponta que o silêncio é a boa arma da prudência. " Portanto, o que for prudente guardará silêncio naquele tempo, porque o tempo será mau" Amós 5.13

A nossa consciência cristã, bem como a toda a caminhada é sempre a percepção de que ouvir é bem melhor do que falar. Ouvir a vida nos dizer, ouvir a absoluta verdade do Absoluto. É está calado. " Mas o SENHOR está no seu santo templo; Cale-se diante dele toda a terra"... Já nos informava o profeta Habacuque.

Portanto, cale-se diante dEle toda a arrogância humana, cale-se todas as razões e pretensões.." Cale-se, toda a carne, diante do SENHOR, porque Ele se levantou da sua santa Morada" (Zacarias 2.13).

Temos que aprender com o Mestre, que não se exaltava e nem fazia alardes de sua Voz na praça, que foi oprimido, humilhado mas não abriu a sua boca, que perante um sacerdote surtado nada respondeu, guardando em silêncio tudo. E mesmo diante dos discipulos Ele afirmava..."já não falarei muito convosco..." e que ainda várias vezes ordenou silêncio a todos que fazia o bem.

Voltando ao que disse no começo, somos compelidos a falar...As redes sociais nos impulsionam...Não é errado se expressar, posto que se assim fosse, serei contraditório. Porém o meu questionamento gira em torno dessa nossa verborragia insistente . Uma logorréia de frases, atitudes e comportamentos com muitos anexos e sem nexos...

É todo mundo se "youtubando" a fim de serem aplaudidos pelos números de exibições da nossa vaidade moderna....O que se agigantam no mundo virtual as vezes não passam de mosquitos no mundo real... Nas cacetadas da vida!

Encerro com as palavras do sábio Salomão "Aquele que possui conhecimento refreia as suas palavras, e o homem de entendimento é de espírito sereno" (Provérbios 17.27)










Em Cristo,











Mário Celso



3 comentários:

Pastor Dr. Lars-Gustaf disse...

Você foi feliz em abordar uma problemática presente no contexto dos nossos púlpitos de igrejas. Complemento afirmando que além das palavras dos falantes serem muitas, são elas, em sua grande maioria, superficiais.

RobTiger e Cia disse...

Pastor, queria entrar em contato com o sr.
me indique um e-mail, telefone pelo qual podesse entrar em contato.

Abraços, Robson

Lendo e Postando disse...

prmariobrazil5@hotmail.com MSN
086 9954-5552

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails